Fotografia de vida selvagem (wildlife photographer)

Posts com tag “aves-de-rapina

Galeria

Gavião Belo (Busarellus nigricollis) – Black-collared Hawk Pantanal de Porto Jofre, MT. O Gavião-belo é um exímio pescador. Possui garras adaptadas à pesca de peixes e moluscos. Domina a pesca com uma habilidade incomum entre os gaviões, como pode-se ver na sequência das fotos.

Anúncios

Transpantaneira – Poconé

Aqui começa a Transpantaneira. Depois de dirigir sozinho por cerca de 2200 Km, passando por SP, MS, GO e MT, finalmente cheguei a Transpantaneira. Essa estrada de chão que corta o pantanal do Mato Grosso ligando a cidade de Poconé ao distrito de Porto Jofre, já na divisa com Mato Grosso do Sul, tem quase 150 quilômetros de extensão. Era um sonho antigo agora realizado, então, não dava para deixar passar e fazer uma foto tão comum, mas que tem um grande significado.

_33A0042


Imagem

Hora do lanche (Snack time). Gavião Cabloco (Heterospizias meridionalis)

Valença


Galeria

Aves em voo.


Corujas

Símbolo da sabedoria e da inteligência, mas também do mistério e do misticismo, as corujas são algumas das mais fascinantes e misteriosas aves de rapina que existem no mundo e também pelo misticismo.

São animais carnívoros. Estão na sua dieta estão roedores, mamíferos de pequeno ou médio porte, insetos noturnos e outros pássaros, incluindo até, outras corujas menores.

Existem mais de 150 espécies de corujas no mundo. No Brasil temos 22 espécies de corujas, sendo algumas muito pequenas, como o caburé-miudinho, que pesa cerca de 60 gr, até as maiores, como o jacurutu com mais de 1 kg.

Essas são algumas das corujas que tive o prazer de fotografar.

 


Gavião-preto (Urubitinga urubitinga) – Great Black-Hawk

Pantanal 2017

Gavião-preto (Urubitinga urubitinga)