Fotografia de vida selvagem (wildlife photographer)

Flora

Estrada Parque – Pantanal da Nhecolândia, MS.

Já falei várias vezes e não me canso de repetir. O Pôr do Sol no Pantanal é um dos mais bonitos do Brasil! Mas não é só isso! A paz e a tranquilidade desse lugar, aliados há uma beleza única, deixam fascinados quem
visita esse bioma, que abriga cerca de 263 espécies de peixes, 41 espécies de anfíbios, 113 espécies de répteis, 463 espécies de aves e 132 espécies de mamíferos.
Segundo a Embrapa Pantanal, quase duas mil espécies de plantas já foram identificadas no bioma e classificadas de acordo com seu potencial medicinal.

Estrada Parque - Pantanal da Nhecolândia, MS.

Estrada Parque – Pantanal da Nhecolândia, MS.


Fazenda Firme – Pantanal da Nhecolândia, MS.

Fazenda Firme - Pantanal da Nhecolândia, MS.

Fazenda Firme – Pantanal da Nhecolândia, MS.


Fazenda Firme – Pantanal da Nhecolândia, MS.

Fazenda Firme - Pantanal da Nhecolândia, MS.

Fazenda Firme – Pantanal da Nhecolândia, MS.


Antes da tempestade cair.

Fazenda Firme – Estrada Parque – Pantanal da Nhecolândia, MS.

Antes da tempestade cair.

Antes da tempestade cair.


Borboleta-do-maracujá (Agraulis vanillae) Estrada Parque – Pantanal da Nhecolândia, MS.

Borboleta-do-maracujá (Agraulis vanillae)  Estrada Parque - Pantanal da Nhecolândia, MS.

Borboleta-do-maracujá (Agraulis vanillae) Estrada Parque – Pantanal da Nhecolândia, MS.


Xiiiiiii….. O tempo vai fechar na Estrada Parque.

Pantanal 2018

Uma das 72 pontes da Estrada Parque


Dia Nacional do Pampa

Ontem, dia 17 de dezembro, foi o Dia Nacional do Pampa, um dos seis biomas brasileiros e que está localizado no extremo sul do Rio Grande do Sul. Esse bioma é constituído basicamente por vegetações rasteiras ou herbáceas, com capins de vários tipos.

Já tive a oportunidade de fotografar em duas unidades de conservação desse bioma: no Parque Nacional da Lagoa do Peixe (primeira foto) e na Estação Ecológica do Taim. As duas unidades funcionam com área de descanso, de crescimento ou nidificação para diversas espécies migratórias que procuram esse bioma.


Infelizmente, muita gente ainda não entendeu, que a preservação da natureza é sim um grande negócio.

Pantanal movimenta US$ 7 milhões ao ano com observação de onças-pintadas Valor é referente à região de Porto Jofre (MT), de acordo com ONG Pantheras Brasil

 


Dando um rolé por aí.

Parque Nacional da Serra Geral – Cambará do Sul, RS.

Cânion Fortaleza.

Dando um rolé por aí.  Parque Nacional da Serra Geral - Cambará do Sul, RS.  Cânion Fortaleza.

Dando um rolé por aí. Parque Nacional da Serra Geral – Cambará do Sul, RS. Cânion Fortaleza.


Hoje é Dia da Árvore.

O Dia da Árvore é comemorado no Brasil em 21 de setembro, véspera da Primavera e tem como objetivo principal a promover a importância da preservação das árvores e das florestas, incentivando a proteção do meio ambiente e estimular a reflexão sobre as consequências do desmatamento e da poluição.
 
Nesses tempos tão sombrios, onde correm tanto perigo, é importante lembrarmos do quanto precisamos delas.

 

Valença

A floração dos ipês anuncia a primavera no Brasil. Cada árvore fica florida durante uma semana, aproximadamente. Então as flores caem, dando um colorido especial ao chão.


Ipê florindo emConceição de Ibitipoca, MG.

Conceição de Ibitipoca - MG

Conceição de Ibitipoca – MG


Fui entrevistado pelo site Terra da Gente.

https://g1.globo.com/sp/campinas-regiao/terra-da-gente/noticia/2019/07/17/professor-de-geografia-se-aventura-em-busca-de-grandes-fotos-da-vida-selvagem.ghtml?fbclid=IwAR3O1inZ3SDYf9Bi39m6ZUAYSTMWylk2yh_mqSLCmeO5yV8GfuqO7P4dvmk


24 de junho, Ddia da Araucária

Hoje – dia 24 de junho – é o Dia Nacional da Araucária.

Araucária é típica do Sul do Brasil e está ameaçada de extinção. Ela também pode ser encontrada no leste e sul do estado de São Paulo, sul do estado de Minas Gerais, principalmente na Serra da Mantiqueira, na Região Serrana do estado do Rio de Janeiro e em pequenos trechos da Argentina e Paraguai

Esse ecossistema é de extrema importância para diversas espécies de animais, principalmente de aves como o Papagaio-charão (Amazona pretrei), Papagaio-de-peito-roxo (Amazona vinacea) e o Grimpeiro (Leptasthenura setaria).

Minha pequena contribuição nesse dia, com uma foto feita na cidade de Urubici, SC.

03

Araucária — em Urubici


Galeria

Nem só fotos de passarinhos se faz uma “Passarinhada”. Passarinhada na Trilha da Serra Queimada – Lumiar, Nova Friburgo – RJ.


Galeria

O entardecer no Pantanal da Nhecolândia, MS. The dusk in the Pantanal of Nhecolândia, MS.


Um “Pé de Nuvem” Inhames, Santana de Pirapama – MG

Um "Pé de Nuvem"   Inhames, Santana de Pirapama – MG

Um “Pé de Nuvem” Inhames, Santana de Pirapama – MG


Vida de Fotógrafo de natureza selvagem.

Muita gente acha que a vida de um fotógrafo de natureza é um glamour, mas as pessoas não imaginam os perrengues que passamos. São dias e dias dirigindo por estradas de asfalto ou de terra. Quilômetros de caminhadas no sol ou na chuva, no calor ou no frio, além muitas picadas de mosquitos e carrapatos. Cansaço (muito), fome e algumas lesões. Tudo isso para conseguiu uma boa foto.

Adoro!!! hehehehe


Time Lapse no Pantanal da Nhecolândia, MS.


Cachoeira do Pedrossian – Bodoquena, MS.

Cachoeira do Pedrossian - Bodoquena - MS

Cachoeira do Pedrossian – Bodoquena, MS.


Conceição de Ibitipoca, MG

Conceição de Ibitipoca - MG

Conceição de Ibitipoca, MG


Galeria

Parque Nacional do Caparaó Alto Caparaó, MG.


Galeria

Primavera, a estação das Flores!


Hoje é Dia da Árvore.

O Dia da Árvore é comemorado no Brasil em 21 de setembro, véspera da Primavera e tem como objetivo principal a promover a importância da preservação das árvores e das florestas, incentivando a proteção do meio ambiente e estimular a reflexão sobre as consequências do desmatamento e da poluição.

 

 


11 de setembro é o dia nacional do Cerrado.

Localizado no coração do Brasil, o Cerrado é fundamental para a sobrevivência de milhares de animais e plantas. Nesse bioma são encontradas mais de cinco mil espécies brasileiras, como o Lobo-guará, o Tamanduá-bandeira e a Onça-pintada. Chamado de “o berço das águas”, no Cerrado, nascem os rios que formam seis das principais regiões de hidrográficas brasileiras: Parnaíba, Paraná, Paraguai, Tocantins-Araguaia, São Francisco e Amazônica.

Em homenagem a esse bioma brasileiro, que é um dos mais devastados do país, metade do Cerrado já foi destruído, algumas fotos que fiz nas várias vezes que por estive por lá.